Sucesso: TheòsMessenger completa 2 anos

THEÒS Messenger apresenta novo design

Com 2126 usuários ativos e distribuídos por clientes habilitados em todas as regiões do país, o TheòsMessenger completa 2 anos nesta quinta-feira(28/07). Desenvolvido pela Equipe Theòs com exclusividade para os softwares da Família SGCP, o comunicador instantâneo está revolucionando a forma com as paróquias e cúrias se comunicarem e trocarem diversos documentos.

Graças a esta inovação, paróquias do Brasil inteiro podem trocar documentos com apenas quatro cliques e, em poucos segundos, o documento enviado e/ ou recebido já está à disposição para impressão no sistema do usuário destinatário. Além da praticidade, segurança e agilidade, a economia de telefone e de correio para as paróquias que adoram esta prática é significativa.

Desde quando a opção de enviar/ receber documentos foi ativada (Fev/2010), mais de mil documentos foram transferidos pelo TheòsMessenger e a expectativa é que o tráfego de informações aumente nos próximos meses, pois a nova interface e as novas possibilidades do comunicador dentro do SGCP-Paróquia 6.0 estão ainda melhores e serão aprimoradas nas próximas revisões do software. O usuário terá ainda mais confiança ao usufruir deste aplicativo.

Com um pico de aproximadamente mil usuários simultâneos e de 3 mil conexões diárias, o TheòsMessenger também é um grande facilitador do processo de comunicação das dioceses. Os agentes da Pascom, por exemplo, começam a perceber que podem utilizar esse mecanismo para fazer fluir as informações com mais velocidade e os agentes de administração já usam o utilitário como um canal permanente de comunicação entre cúria e paróquia. É a maior rede de comunicação virtual direta entre as paróquias brasileiras.

Os dois anos de vida e a aplicabilidade do TheòsMessenger comprova o sucesso da ferramenta e que ela veio pra ficar.

Não fique de fora, se junte aos usuários do melhor sistema de informatização paroquial e diocesana do país  e conheça o TheòsMessenger utilizando o SGCP-Paróquia e/ ou o SGCP-Cúria em sua diocese.

Compartilhar
Depoimento do Pe. Roberto